The Short Guide to IndieLisboa 2016 — Paul Verhoeven



Entre as sessões dedicadas a Paul Verhoeven, Herói Independente do IndieLisboa 2016, é quase obrigatório o nosso destaque para a exibição — em sessão única — do conjunto de curtas-metragens assinadas pelo autor holandês.
Seis primeiras obras, de vincado teor autobiográfico e onde a juventude assume presença cimeira, que representam uma ocasião singular para sondar paralelismos entre os primórdios do realizador e o seu posterior sucesso internacional em obras como O QUARTO HOMEM, ROBOCOP — O POLÍCIA DO FUTURO e INSTINTO FATAL.

  • . EÉN HAGEDIS TEVEEL (1960)


  • Uma mulher, casada com um artista, inicia uma relação amorosa com um dos seus estudantes, o qual já tem a sua própria amante. As duas rivais cruzam-se. Filme de estreia de Paul Verhoeven, realizado quando este era ainda estudante em Leiden.


  • . NIETS BIJZONDERS (1961)


  • Feito em improvisações e muito inspirado pelo cinema da nouvelle vague: inspirado por uma citação de William Faulkner, NIETS BIJZONDERS é um filme com uma atmosfera de jazz.


  • . DE LIFTERS (1962)


  • Um road movie sobre três homens (um condutor, dois penduras) e uma mulher. Paul Verhoeven filma uma ficção inspirada na sua juventude entre viagens à boleia.


  • . FEEST! (1963)


  • Uma história sobre o manifesto afecto de um rapaz estudante burguês por uma rapariga de classe diferente. Inspirado nos tempos de escola de Paul Verhoeven, FEEST! foi rodado no liceu que o próprio realizador frequentou.


  • . HET KORPS MARINIERS (1965)


  • Documentário sobre o Royal Dutch Marine Corps, foi realizado quando Paul Verhoeven ainda cumpria serviço militar na Marinha.



  • . DE WORSTELAAR (1971)


  • O padre Wouters descobre o que filho tem uma relação com a jovem esposa de um árbitro. Decide então lançar-lhe uma aposta: se o seu filho derrotar um rival muito mais forte no ringue, ele poderá manter a sua namorada. Contra todas as expectativas, o rapaz ganha. Última curta metragem de Verhoeven antes de se dedicar à longa-metragem.


A sessão de curtas-metragens de Paul Verhoeven terá lugar no dia 30 de Abril, às 15h30, na Cinemateca Portuguesa.
O programa completo do IndieLisboa 2016, que decorrerá de 20 de Abril até 1 de Maio, pode ser consultado no site oficial do Festival.

0 comentários: